quinta-feira, 4 de julho de 2013

Marcello Gugu - Até Que Enfim Gugu (Mixtape)



Meu Anjo.

Descrição:

Mãe: incapacidade de pensar, concentrar-se ou tomar decisões, perda de interesse, interrupção do sono, cansaço, sentimentos de inutilidade, desânimo, desesperança e desamparo, ganho de peso, pele envelhecida, Valdoxan, boca amarga, olheiras, unhas quebradiças, cabelos fracos e sem brilho, transtorno obsessivo-compulsivo, perda da libido, inquietude, Prozac, Verotina gotas, insônia e sentimento de culpa constante. Sua definição: desde que ela foi embora, não existe mais sol, o verão é um inverno mais claro.

Pai: Garrafas de Johnnie Walker, grupo de terapia, noites em claro, persistência de pensamentos negativos, perda da fé, do apetite, de peso, maços de cigarro e bitucas em cinzeiros antigos, noites em claro, humor depressivo (tristeza), mudanças de apetite, vulnerabilidade, fraqueza, taquicardia, dores de cabeça, suores excessivo a noite, Lexapro, Exodus, Reconter, perda do interesse sexual, suor em excesso, palpitações, tremor e Automutilação . Todo dia, quando abre os olhos, faz a mesma pergunta: Porque!? A escuridão é tão silenciosa quanto seus pensamentos. Ele deita. Nada vai trazer ela de volta.

Esse som fala sobre a dificuldade que temos em lidar com a perda de um ente querido. Moral da história: Ninguem soube lidar com a perda.

‘Quando deitam na cama, ambos se perguntam: de quantas perdas é feita a vida??’

Produção: Dj Caique.
Participação: -
Parte 01

Hoje ele faz pergunta, inventa motivos pra viver
A gente geralmente nega o que não consegue entender

Hoje, ele nem sabe oque o mantem vivo
Se é a família, a fé ou o antidepressivo

Pensativo, diz pra si próprio: eu não tô bem
Uma arma na minha mão e eu sou o próximo Kurt Colbain

Ela era linda, seu jeito e tom de pele
Dizem que se quisesse era Naomi ou Gisele

Se lembra desse dia, não esquece desse dia
De quando o é virou era e o pode virou podia

Futuro? Talvez teria? interrogação
E um pai de família virou sentinela da solidão

Lembra luz nos cacos de vidro, sangue no para-lama
Giroflex de ambulância, remédio em miligrama

Quem ama faz oque pode e tudo que tá no alcance
O que dói é saber que ele não vai ter outra chance

Cada vez que o telefone toca, nossa Senhora
É como se fosse um telefone dela agora, dizendo

Pai to bem não aconteceu nada
Me pega pra ir pro inglês porque eu já to atrasada

Fantasia em vão ruina de um sonho cortês
Só queria dizer te amo pela última vez

Infelizmente não disse e agora é tarde
Ela se foi sem dizer tchau e oque restou foi saudade.


Refrão:

Amor que fica é doçura, amor que parte é saudade
Quando acontece com a gente é difícil crer que é verdade


Ela disse, eu já volto, eu não vou demorar
Hoje a espera é eterna porque ela não vai voltar

Amor que fica é nosso, amor que parte é do mundo
Quando acontece com a gente damos valor aos segundos

E hoje eu entendo que você não vai voltar
Te devolveram as asas, pois anjos tem que voar

Parte 02:

O quarto continua igual desde a última vez,
Os mesmos bichinhos de pelúcia e o carpete francês

As cortinas, as fotos, o criado mudo
A escrivaninha, a casa de boneca e a colcha de veludo

Tudo usado de escudo esperando uma eterna volta
Que ela cultiva com saudade, dor, tristeza e revolta

Tem a fé como escolta, mas sempre que ora a Deus
Pede resposta do onde ele tava por não olhar os seus

Lembra dos cheiros dos pneus, das garrafas de bebida
Da filha deitada no asfalto, do barulho, da batida

Imprudência, avenida fez vitima inocente
Que bloqueou a vida de mais três a ir pra frente

Ser contente é algo que pra ela não existe,
Mas é pelo marido e o filho que ainda resiste

Acorda triste, manhã sem gosto de esperança
A filha não vai debutar, mas pra ele existiu fiança

O tempo avança e nada no mundo a conforta
Todo dia ela ainda espera a pequena entrar pela porta

Seu olhar esconde um pedido, me ajuda meu Deus
Nunca se sabe quando um simples tchau vira um eterno adeus

Lembra dela sorrindo, seu olhar era sua paz
Quando o mundo desaba o silêncio é alto demais

Nos seus sonhos vê seu anjo, abandono é assustador
Realidade volta amarga ao toque do despertador.

Refrão:

Amor que fica é doçura, amor que parte é saudade
Quando acontece com a gente é difícil crer que é verdade

Ela disse, eu já volto, eu não vou demorar
Hoje a espera é eterna porque ela não vai voltar

Amor que fica é nosso, amor que parte é do mundo
Quando acontece com a gente damos valor aos segundos

E hoje eu entendo que você não vai voltar
Te devolveram as asas, pois anjos tem que voar