sábado, 4 de julho de 2015

Arafat Cossa - NO TO XENOPHOBIA [Spokenword]




NO TO XENOPHOBIA (NÃO Á XENOFOBIA)

Desde criança, na minha mente, o mundo era apenas um lugar em que encontramos seres humanos
Mas depois de uns dias de aulas, descobri que nele existem América, Europa, Ásia e África
E depois fui ensinado que de África nascem os Africanos
E isso fez de nós verdadeiros irmãos
Pessoas que amavam conviver e ajudar um ao outro
Porque somos filhos amados de uma e única mãe…África
E depois descobri que existem vários países em África
O meu è Moçambique, mas temos muitos outros como Zimbabwe, Nigéria, Malawi e África do Sul


E todos estes países estão separados por fronteiras
E deixem-me dizer também que na minha mente, as fronteiras não passavam de meios que nos ajudavam a saber onde nascemos
Que nos recordavam que por mais que viajemos o mundo, há um lugar ao qual sempre pertenceremos
Porque as nações têm vizinhas, mas a relação entre elas não deve ser de apenas vizinhança
Pois a melhor relação entre duas nações è a de irmandade

Mas se somos todos irmãos
Somos filhos de uma e única mãe
Então porquê lutar e matar uns aos outros?
Será que è justo com uma mãe, fazê-la ver seus próprios filhos lutando, matando e destruindo uns aos outros?
Ò gentes! Onde está vosso juízo? Será que vocês enlouqueceram?
Sua mãe sofre de fome e pobreza, e ao invés de ajudar
Vocês andam ocupados a destruir o pouco de amor e paz que ela ainda tinha?

Porquê vocês não podem parar para pensar e perceber
Que Deus è o Único dono da terra
E Ele deu-nos a chance de explora-la
Então porquê sentimo-nos tão mal quando o assunto è partilhá-la?

Se quiserem matar…matem
Mas matem o espírito de ódio que existe entre vós
E substituam-no por algo bom
Por favor coloquem algum amor dentro e entre vós

Aonde esperamos que este mundo vá?
Quando vivemos numa época em que algum dinheiro è mais importante que uma vida
Em que andamos ocupados procurando motivos para terminar a nossa irmandade ao invés de olhar para os benefícios que ela pode trazer
Em que não importa quem és
Eu só quero castigar e depois matar-te sem querer saber quem és
Seja homem, mulher, idoso ou mesmo uma criança

Ò irmãos, será que vocês não podem parar um pouco e perceber que eu não peco de vocês senão um longo e forte abraço?

Deixem-me dizer que eu gosto e admiro pessoas que lutam
Mas não umas contra as outras
Eu gosto de ver os que lutam juntos como irmãos
Por isso se quiserem lutar…lutem por favor
Mas não uns contra os outros
Lutem juntos como irmãos
Para acabar com a fome e pobreza que está a acabar com vossa mãe

Michael Fox disse:
“Família não è uma coisa importante. Família è tudo.”
E eu fico aqui me perguntando
Será vocês tem pensando e analisado
Que por cada pessoa que vocês vão matando
È uma família que estão a destruir?

Desculpem, mas ao tirar vidas de pessoas
E pior de tudo, sem razoes para tal
Mostraram ao mundo que não têm sensibilidade
Mas ainda assim o mundo espera de vós um gesto de humanidade

Dizendo: Não à Xenofobia
E quando isso acontecer
O mundo será um lugar melhor para vivermos Juntos

Paz e Amor!

Autor: Arafat Cossa